Aos amigos.

Aos amigos.

Amar é sentir a sensibilidade de uma flor..

Amar é sentir a sensibilidade de uma flor..
Amar é sentir a sensibilidade de uma flor.

31 de outubro de 2013

Feliz Halloween!

Sou a bruxinha do bem!

Não faço mal a ninguém.

A noite começo a voar,
com 
minha vassoura
chego 
até o luar.

Sigo em linha reta,
ando 
pelas nuvens,
onde 
posso abrigar-me.


Apareço entre penumbras,
mas
não faço mal a ninguém.

Sou a bruxinha do bem!

Levo comigo a abobora,
com
vários recortes,
para
colocar luz
e
com
ela iluminar.

Iluminar o espaço,
por
onde
 irei
aconchegar-me.

E logo que chego,
não quero
provocar medo,
a quem
conseguir me enxergar.

Sou a bruxinha do bem,não faço
mal a ninguém!

Estarei sempre por ai,
voando
e
entrando
em histórias 
de
arrepiar!

Sou a bruxinha do bem!

Não faço mal a ninguém.



Que a vida possa levar-nos a grandes fantasias e possamos voar,sem prejudicarmos aqueles que nos rodeiam.
Que nossos sonhos sejam sempre como um conto de fadas e que as bruxas existam,
para 
serem personagens em histórias e magias. 

Feliz Hallowenn!-31/10/2013



30 de outubro de 2013

Mar de Desejos!




Quero,
 ser 
mar 
dos
 seus desejos.
Habitar nas águas,
e
emergir
para
respirar o amor
entrando
como
oxigênio.

Viver e sobreviver,
com
esse ar
pelas
entranhas.

Quero, 
toque 
de 
nossas mãos,
molhadas e salgadas,
tocando 
nossas peles.

Unidas retem-se
e
arrepiam-se.

Quero,
 que
naufrague
em
meus beijos.

Quero, 
passear entrelaçada,
pelo laço
que
enlaça 
nossos corpos.

Quero amar e ser amada.

Mesmo que seja
na
fina areia
ou
entre 
as
encostas
do
mar.


Quero amar...

Autoria-Carmen Lúcia-imagem-mamietitine.

29 de outubro de 2013

Vigília da Espera!


Um encontro à espera
de
sua presença.

Foram tantos desencontros!

Abraços,carinhos
e
sussurros,
que
percorrem estradas
sem fim.

Nesse jardim,apreço-me
em
vigília de espera.

Os perfumes dos jasmins,
das alfazemas
das rosas,
ficaram em amor,
nos
frascos e fragrâncias,
incompletos,
sem
 palavras,
em
versos e prosas.

Anuências em desejos,
aos
encontros de passeios,
são
relembrados
por
vidas e vivências.

Vigilante espero,
por
um momento
de
amá-lo,
sobre olhares
das flores.
da 
sorridente Primavera.

Autoria-Carmen Lúcia-imagem-mamietitine.


28 de outubro de 2013

Amantes!



Nossos corpos,
sobre 
olhares das águas,
deslizam nas corredeiras,entrelaçam 
e
transportam-nos
ao
infinito 
do
Paraíso.

Nossos braços,
cruzam 
como laços, 
na 
entrega
dos
abraços.

Desejos ardentes!

Entre olhares 
das
estrelas,
refugíamos
nosso querer,
dentro
dos 
brilhos ofuscantes,
para
um
viver de amantes.

Entrega absoluta,
ouvindo
o
bater 
de
corações
descompassados
em 
emoções.

E pelas correntezas,somos levados,
como
Amantes apaixonados.

Amantes...

Autoria-Carmen Lúcia-imagem-sandy07

25 de outubro de 2013

Recolho-me!



Recolho-me ao paraíso,
por
onde
faço meu regresso.

Como folhagens verdes,
preciso
do
aquecer de suas mãos.

Preciso d'água
para
reavivar
minha sede
de
amar.

Suporto a chuva,
que
umedece a terra
e
germina os grãos.

Sinto sua presença,
em
cada folha que renasce.

Uma quimera desejada.

Amada ou não,
sigo
meus passos,
ao 
encalço,
desse amor
perdido.

Um sonho 
que
ficou,
vagando pelo
espaço,
percorrendo
caminhos e anseios
vividos.

Quisera,
que
tempo,
fosse presente,
e
não 
passado.

Quisera,
unir 
novamente,
nossos
 dias
e
transformá-los
em
futuro.

Eu juro!

Por você
e
por mim,
ficarei a esperar,
nesse sonho
sem fim!

Recolho-me ao paraíso....

Autoria-Carmen Lúcia-imagem-sandy07


24 de outubro de 2013

Balões Mágicos! Reeditando.

As crianças divertiam-se com a linda festa que mãe
de Laura,havia preparado a ela.

Muitos amiguinhos foram convidados,ela enfeitou a mesa da melhor maneira e com o pouco dinheiro que
possuía.

Laura,era uma pequena muito doente e a mãe quis
fazer essa grande surpresa.

Colocou no centro,um lindo bolo e alguns docinhos preparados com carinho,pelas suas mãos.

Em cada canto da mesa,algumas bonecas já desgastadas,mas que ainda traziam alegrias à Laura.

Balões coloridos em todo local da casa.

As crianças,corriam e brincavam muito alegres.

Em um certo momento,a mãe da pequena convida a todos que aproximem-se da mesa e comecem o cantar à Laura,que naquele dia completava 5 anos de
vida.

Apagam-se as luzes e quando todos estão cantando,como em um conto de fadas,os balões começam a estourar e dentro deles,pétalas de rosas caem sobre as crianças.

A menina espantada,pergunta a mãe:Mamãe,que surpresa linda,como conseguiu colocar dentro dos balões coloridos pétalas de rosas?

Diz a mãe:

Filha,não sei como isso aconteceu,somente posso lhe dizer,que no momento em que assoprava a vela,eu pedi ao Mestre Divino muita saúde a você e a todos que aqui encontram-se;e com certeza esse foi o maravilhoso presente que o Mestre enviou.

Uma benção de rosas. 

As crianças,sem entenderem parabenizam a amiga e começam comer os quitutes feitos com carinho por àquela mãe.

"UM PEDIDO DE MÃE,POR MAIS DIFÍCIL QUE SEJA,SEMPRE  SERÁ ATENDIDO"!

Amigos,
não vivo somente de poesias,
gosto de contar meus contos,
 à crianças 
e
adultos,
deixando sempre mensagens
de
otimismos 
e
alegrias.


Autoria-Carmen Lúcia-imagem-aigle ange.


23 de outubro de 2013

Saborear o Fruto!


Saboreamos,esse pecado.

Transportamo-nos lado a lado,
em
um mar,
de
 fantasias.

Julgados por um amor proibido,
nossa 
aventura foi concisa.

Fruto saboreado no momento preciso.

Fomos pecadores desse amor eterno.

Leais até o infinito,
onde
provamos,
esse 
proibido.

Um fruto do desejo.

De repente,
amargor ficou,
nos
 olhares incandescentes,
da 
inimiga serpente.

Mesmo assim,
proibido e julgado,
chegamos 
através 
do
sabor amargo.

Dando-nos depois 
a
caminhada,
em
seguirmos 
esse
doce prazer.

Somos eternos,
nessa escolha,
entre
dois seres
que 
se amaram.

Seremos sempre,
amantes,
infinitamente apaixonados.


Autoria-Carmen Lúcia-imagem-Angeaigle.






22 de outubro de 2013

Sou!


Sou a vida que lhe espera.

Sou as flores 
que
 encantaram
naquela primavera.

Sou forte como o ar que respiro,
sou leve 
como a brisa que passa.

Sou àquele arrepio dos nossos desejos.

Sou os sentimentos que aderiram nossas peles.

Sou emoções da derme,
percorrendo silenciosamente,
meus sonhos 
como
 adolescente.

Sou palavras,
que 
voaram com o vento,
sobrevoando
 contra quimeras do tempo.

Sobressalentes,
os
 desejos ficaram
suavemente 
deixaram fantasias,
de
 dois seres que se amaram,
em 
juramentos sem heresias.

Sou...

Auroria-Carmen Lúcia-imagem-papillondavril.






21 de outubro de 2013

Soneto à Carmen! Homenagem do amigo Samuel!

Tua alma nas cores radiantes
Da natureza que tanto encantas...
Flores lindas e pássaros cantantes
Deixam-te uma alegria sempre tanta;

No teu coração,perolas brilhantes
Vestem teu ser coberto pela manta...
Da pureza que em noites elegantes
Fica ouvindo cada estrela que canta;

Na brisa o suave aroma de flor
Desfilas carregado de magia...
Pelos jardins eternos da harmonia;

Dos teus olhos transbordam o puro amor...
Para que borboletas reais se fartem
Dos sentimentos mais bonitos Carmen;


Obrigada 
amigo Samuel,pela homenagem tão linda.
Para
mim é uma honra constar em sua lista de amigos e ser homenageada pelas minhas poesias.

Em tempo:

Amigos,
peço perdão por uma postagem que fiz hoje e sem querer eu a excluí e por incrível que lhes pareçam eu as faço direto sem rascunho e as palavras vão saindo conforme a inspiração,por esse motivo não tenho como colocá-la novamente. 

Agradeço, 

todos os comentários,inclusive desse amigo Samuel.
                         Um beijo a todos.

              Carmen Lúcia-21-10-2013

19 de outubro de 2013

Eu Vivo!

Vivo pelo aquecimento da sensibilidade que sinto.

Vivo,pelo colorido da natureza.

Minh'alma aquecida,agradece ao calor
recebido.

Envolvo-me,
 em 
abraços e sorrisos.

Chegam a mim,
perfumes das árvores entristecidas,
 e 
ouço o esvoaçar
fraquejante,
das asas
 da 
visitante.

E nesse instante,
ergo meus braços,
para abraçar
a
 rosa congelada.

Ela sorri e agradece.


Quero aquecê-la e mantê-la firme com
o aconchego da luz solar.

Não quero vê-la sofrendo,preciso acariciá-la.

Sei que receberei a troca desse calor,
por 
um simples
 gesto de amor.

Vivo, 
pela beleza 
azulada da rosa amada,
 e 
pela 
transparência esvoaçante,
das
nobres borboletas.

Eu vivo....

Autoria-Carmen Lúcia-aupaysde rosalie.




18 de outubro de 2013

Valsa do Vento!

Vento que valsa junto ao Veleiro.

Segue seu rumo,ameniza as águas e
deixa sua brisa.

Trêmulas velas,balançam
ao
compasso dessa dança.

Em rodopios o mar avança.

Agita-se conforme o som,
que vem 
de
 encontro a esse espetáculo.

Chega ao ápice das montanhas,
convida a natureza,
para 
que seja
par
 dessa beleza.

Ouço revoadas das gaivotas,
fazendo acrobacias,
com
asas esvoaçantes, 
em 
giros e voltas.

A leveza dos pássaros levam-nos a grandes
fantasias.

Rodopiamos junto ao vento,em desafios
contra o tempo.

Um tempo que dá passagem,
a essa
aeragem,
que 
suave e bem devagar,
deixa velas fixas,
sem 
se quer
tremular.

O veleiro segue suavemente,com a brisa
leve.

Um vento que valsa e convida todos a
valsarem.

Autoria-Carmen Lúcia-imagem-Kattania


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Amigos

Amigos

Flores com carinho.

Flores com carinho.